Pular para o conteúdo principal

INHOTIM - Experiência única


Aproveitando o recesso de carnaval fui visitar Inhotim na cidade de Brumadinho. Sempre ouvi dizer que era um ótimo programa cultural.

Para quem não conhece, Inhotim é um museu aberto com diversas instalações de arte e entre elas um projeto paisagístico que simplesmente faz você esquecer que está em um museu. Com uma extensa área verde e diversas coleções botânicas, conta ainda com cinco lagos e jardins que possibilitam aos visitantes uma interação permanente com o meio ambiente.

Criado em 2005, é uma entidade privada, sem fins lucrativos. O Instituto Inhotim reúne cerca de 500 obras de artistas de renome nacional e internacional.

Com um grande acervo contemporâneo possui pinturas, esculturas, desenhos, fotografias e vídeos. Evidente que algumas obras carecem de um olhar mais apurado de quem as vê, afinal nem sempre é fácil compreender a intenção do artista em relação a sua criação. Minha dica é visitar as galerias Valeska Soares, Adriana Varejão e Cildo Meireles, sem dúvida as mais interessantes.

Caso resolva conhecer o museu, sugiro que:

- Evite a visitação no verão. Sob o forte calor e a grande área a ser percorrida, o cansaço é inevitável. Acredito que no outono/inverno a atmosfera do local deve ser ainda melhor.

- Feriados NÃO. Neste carnaval o parque estava lotado. Faltavam bancos para descanso e o tempo de espera do transporte para visitação de algumas galerias foi grande.

- A entrada no valor de R$ 16,00 (inteira) valor que considero compatível ao outros grande museus como por exemplo o MASP em São Paulo. Mas em relação à alimentação prepare-se para uma facada. Tudo muito caro. Um almoço no restaurante não sairá por menos de R$ 40,00. Portanto leve uma boa grana.

De qualquer forma é um excelente programa para todas as idades. A grandeza de Inhotim é para ser admirada, talvez por isso se me perguntarem como definir o local responderei que é uma experiência e como tal deve ser aproveitada, portanto só indo para entender.

Comentários

Thiago disse…
huauhauha podemos dizer que o lugar é realmente curioso hehehe
po ficou bom esse layout hein
larga a mao passa o site dos templates ai
abraços paulistas
Nathalia disse…
Muito lindo o lugar mesmo, já fui e quero ir novamente! Tem algumas galerias bem "psicodélicas" haha, mas acho que sempre estão mudando, se não me engano!
Anônimo disse…
OPA!!! TAMBÉM CONHECO INHOTIM E ACHEI O LUGAR LINDO!!! A COMPANHIA DA NATUREZA, DOS PÁSSAROS TUDO É MUITO MAGICO!!! QUERO VOLTAR LA DE NOVO PARA PODER ADMIRAR MELHOR O LUGAR MAS QUERO IR NO INVERNO PARA CURTIR O CLIMA DESTE LUGAR!!!
GRANDE ABRAÇO
RO
Romulo disse…
Tenho muita vontade de conhecer o inhotim, uma vez tive a oportunidade de visitar lá mas na hora não quis ir, pensei q o lugar não ia me agradar etc... Mas depois q vi umas fotos no orkut de uma amiga nossa!! me arrependo até hj de não ter ido, inclusive minha irmã teve lá fazendo um trabalho de campo da faculdade, ela falou super bem do passeio, e até hj não tive outra oportunidade de conhecer. Espero conhecer o inhotim o mais rápido possível! da proxima não vou dar bobeira!!
REALMENTE FASCINANTE ESTE LUGAR, MELHOR PONTO TURISTICO DE BRUMADINHO!

Postagens mais visitadas deste blog

Jump Fit x Power Jump

Sou professor capacitado do Jump Fit desde 2003. Acompanhei durante esses 07 anos todas as transformações e melhorias que foram necessárias para manter o sucesso da modalidade. Nesse meio tempo, outros programas similares também foram criados provocando uma concorrência nesse segmento no mercado do fitness.
Há poucos dias um colega de profissão me convidou para fazer uma aula de Power Jump da empresa Body Systems. Já tinha ouvido falar do programa, mas nunca havia participado de uma aula. Meu contato com o Jump sempre foi com a Fit-Pró, pioneira no Brasil com esse tipo de modalidade.
Basicamente a estrutura das aulas são similares. A diferença está na forma como é realizado o aquecimento, nas pausas entre coreografias e na duração de algumas músicas. Não tive acesso ao material didático da Body Systems, porém conversei com o professor e as considerações feitas pelo mesmo me permitem fazer as minhas a respeito dos programas.
Nas aulas de Jump Fit existe uma música inteira dedicada ao aque…

Programas de qualidade na TV brasileira

A TV aberta no Brasil passa por um momento onde programa de conteúdo é cada vez mais raridade na programação. Devido ao trabalho acompanho vejo TV com mais frequência à noite e eventualmente nos finais de semana, porém prefiro acompanhar a programação dos canais fechados.
Mas como nem tudo está perdido, dou a dica de cinco programas que na minha modesta opinião vale a pena acompanhar:
1 – Profissão Repórter (Globo – 3ª feira): Uma equipe de jovens jornalistas sob o comando de Caco Barcellos, consegue levar coberturas sólidas em diferentes ângulos de uma mesma notícia. Com maestria o veterano jornalista consegue destacar o processo de profissionalização de jovens recém-formados em cada etapa da matéria, aprendendo na prática a elaborar a reportagem, desde a apuração até a edição final.

2 – A Grande Família (Globo – 5ª feira): Com um texto de primeira linha e um grupo de atores do mais alto gabarito o programa retrata de forma engraçada situações rotineiras de uma família de classe média. …

Valentin

Com pais ausentes e um ambiente familiar conturbado, Valentin é um menino imaginativo, cujo maior sonho é ser uma criança comum, com uma família de verdade. Enquanto tenta consertar as falhas em seu mundo, ele será capaz de trazer alegria, sabedoria e até mesmo romance aos adultos que o cercam.
“Valentin” é um dos filmes mais encantadores que assisti. A história nos emociona do início ao fim. Um drama inocente e cheio de esperança que ficou muito bem narrado por uma criança.
Rodrigo Noya, o protagonista, nos cativa pela sua sensibilidade e inteligência, longe de ser uma daquelas crianças prodígio chatas. O menino é um escândalo de tão bom. Valentin pode ser vesgo e usar óculos fundo de garrafa, mas enxerga perfeitamente o ponto fraco da maioria dos adultos que o cercam.
Outro ponto forte é a química entre os atores. Perfeitos dentro dos seus papéis. Destaque para Carmen Maura, como sempre brilhante em tudo que faz. Elenco nota 10.
Cinema argentino, leve, sensível e de excelente qualidade…