Pular para o conteúdo principal

Sob o Sol de Toscana

Frances Mayes (Diane Lane), uma escritora que vive em São Francisco, tem uma vida perfeita até que se divorcia do marido. Com um texto para terminar e deprimida, leva um susto quando sua melhor amiga lhe presenteia com uma viagem de 10 dias para Toscana. Com muitas dúvidas e sem tempo para pensar, Frances cria coragem e arruma as malas. Ao chegar, ela compra impulsivamente uma casa quase em ruínas, e acaba vivendo uma aventura repleta de surpresas, amizades e romances que mudariam sua vida para sempre.

“Sob o Sol de Toscana” é apenas um romance à moda antiga, feito com puro e simples objetivo de entreter. Um filme sobre mulheres, feito para mulheres e por mulheres. Mas que os homens de coração aberto também poderão curtir.

Em 2003 tive a oportunidade de visitar a Itália e voltei completamente apaixonado pela cultura e pelo idioma. Nesse sentido, o filme nos presenteia com belas imagens do país, em especial Toscana, Roma e Positano. Em determinados momentos a legenda em português não é inserida nos diálogos das personagens, nada que atrapalhe o entendimento do espectador, justamente pela similaridade de algumas palavras entre o nosso idioma e o italiano.

Vendo o filme apenas constatei que preciso me organizar para voltar à Itália.

Sem ser profundo “Sob o Sol de Toscana” é uma boa pedida para antes da pizza!

Comentários

Rogerio disse…
filmes assim não faz meu estilo...mas isso não quer dizer que eu não tenha o coração aberto hem rsrsrs...
Arthur D'mello disse…
parece ser bom
a itália é fascinante sua cultura sua história.

http://www.sintoonize.com/
Jean Leal disse…
O filme me pareceu bom, vou procurar assisti-lo.
Olha, adorei teu blog, gostei do conteúdo e do layout.Continue assim, garanto que será um sucesso!
Abraço


http://relatoosdavida.blogspot.com/
Cabral disse…
Sou louco pra conhecer a Itália! ainda terei esse prazer...por enqto fico em MG mesmo...heehe! Bom qnto ao seu blog gostei muito bacana demais! to seguindo...vc q escreve? Parabéns!
Os filmes com pano de fundo na Itália sempre são interessantes, inclusive quando tem um enredo forte e conciso, bela resenha, bela escolha de título e belo post!
S.Santiago disse…
tb não gosto desses filmes
mas parabens pelo blog
abraços
Sou umas pessoa que adoro filmes! vários gêneros! mais confesso fascinação pelos de terror!

Nossa Itália deve ser lindo mesmo! Pizza então... nem se fala!

Beijos

Por Luuu Champps
Nath, disse…
Eu ja vi na locadora e sempre tive curiosidade de locar..Mais nunca o fiz.
Vou alugar e ver e conto depois oque achei,ok?
Beijos,sucesso,saúde.
http://seilaasvezesirrita.blogspot.com/2010/02/esse-texto-e-mais-um-entre-muitos-da.html
Pobre esponja disse…
Parece ser bom, e não "Tosco". Sacou o trocadilho? A praça é nossa: mode on.

abç
Pobre Esponja
Henrique Alvez disse…
parece um filme legal, e se os homens de coração aberto poderão curtir...ñ vejo barreiras apsodkpasdk

http://baudopascacio.blogspot.com/
Isabela Haiek. disse…
Adorei a dica do filme *-*
Exatamente o estilo que eu gosto!

beeeijo!
karina costa disse…
Olha que bacana.. é uma ótima recomendação..

parabéns pelo blog..até mais

http://karinacosta1909.blogspot.com/
Eu gosto de filmes nesse estilo!
Vou tentar assistir, dai comentarei algo sobre o assunto aqui, mas pelo o que vcê disse eu sei que irei gostar!

Muito legal seu blog!
Beeijo;*

http://lagrimainterrompida.blogspot.com/
Pires Silva disse…
Boa dica, vou tentar ver ;D
não parece muito o meu tipo de filme, mas de qualquer forma vou ver sim :D

otimo blog, adorei
bjs
Laís Ferreira disse…
Parece ser um ótimo filme. Gostei bastante do seu blog e de você também. Obrigada pela visita ao meu blog.

Beijo
Carla Silva disse…
Eu já assiti esse filme , é muito lindo..
Tenho o sonho de conhecer Florence!

bjim
Oiii vim aqui pra te agradecer pelo comentario no meu post do contemporaneo e indiscreto.
Eu vim dar uma olhada pra ver o seus posts e acabei gostando de todos...
Quando li essa dica sobre o filme sob o sol da toscana, fiquei pasma, eu ja vi esse filme umas 15 vezes, adorei, e o que acontece na vida das mulheres é exatamente o mesmo que do filme, nos apaixonamos por um cara e parece ser aquele romante italiano rs, derrepente descobre que esse lindo amor é uma mentira, como o do filme, e ela fica doida doida por cada vez que ele ameaça aparecer, mas ai tudo termina, ela chora sem parar, espera passar os dias e o tempo, e quando menos espera encontra um outro alguem...
Eu amei esse filme, parabéns pela dica.

www.contemporaneoeindiscreto.blogspot.com

www.fotografiaeprogresso.blogspot.com
Cleire disse…
Um dos melhores que já ví só por um motivo.Retrata com inteligência a necessidade de mudar para que o resto se torne surpreendente.Esse filme mudou minha vida, acreditam? Por ele fui para o interior e curtí muito uma casa que recebeu e agregou muitos amigos.Vale a pena ver. Vou até reve-lo porque preciso mudar novamente ... Beijos

Postagens mais visitadas deste blog

Jump Fit x Power Jump

Sou professor capacitado do Jump Fit desde 2003. Acompanhei durante esses 07 anos todas as transformações e melhorias que foram necessárias para manter o sucesso da modalidade. Nesse meio tempo, outros programas similares também foram criados provocando uma concorrência nesse segmento no mercado do fitness.
Há poucos dias um colega de profissão me convidou para fazer uma aula de Power Jump da empresa Body Systems. Já tinha ouvido falar do programa, mas nunca havia participado de uma aula. Meu contato com o Jump sempre foi com a Fit-Pró, pioneira no Brasil com esse tipo de modalidade.
Basicamente a estrutura das aulas são similares. A diferença está na forma como é realizado o aquecimento, nas pausas entre coreografias e na duração de algumas músicas. Não tive acesso ao material didático da Body Systems, porém conversei com o professor e as considerações feitas pelo mesmo me permitem fazer as minhas a respeito dos programas.
Nas aulas de Jump Fit existe uma música inteira dedicada ao aque…

Programas de qualidade na TV brasileira

A TV aberta no Brasil passa por um momento onde programa de conteúdo é cada vez mais raridade na programação. Devido ao trabalho acompanho vejo TV com mais frequência à noite e eventualmente nos finais de semana, porém prefiro acompanhar a programação dos canais fechados.
Mas como nem tudo está perdido, dou a dica de cinco programas que na minha modesta opinião vale a pena acompanhar:
1 – Profissão Repórter (Globo – 3ª feira): Uma equipe de jovens jornalistas sob o comando de Caco Barcellos, consegue levar coberturas sólidas em diferentes ângulos de uma mesma notícia. Com maestria o veterano jornalista consegue destacar o processo de profissionalização de jovens recém-formados em cada etapa da matéria, aprendendo na prática a elaborar a reportagem, desde a apuração até a edição final.

2 – A Grande Família (Globo – 5ª feira): Com um texto de primeira linha e um grupo de atores do mais alto gabarito o programa retrata de forma engraçada situações rotineiras de uma família de classe média. …

Valentin

Com pais ausentes e um ambiente familiar conturbado, Valentin é um menino imaginativo, cujo maior sonho é ser uma criança comum, com uma família de verdade. Enquanto tenta consertar as falhas em seu mundo, ele será capaz de trazer alegria, sabedoria e até mesmo romance aos adultos que o cercam.
“Valentin” é um dos filmes mais encantadores que assisti. A história nos emociona do início ao fim. Um drama inocente e cheio de esperança que ficou muito bem narrado por uma criança.
Rodrigo Noya, o protagonista, nos cativa pela sua sensibilidade e inteligência, longe de ser uma daquelas crianças prodígio chatas. O menino é um escândalo de tão bom. Valentin pode ser vesgo e usar óculos fundo de garrafa, mas enxerga perfeitamente o ponto fraco da maioria dos adultos que o cercam.
Outro ponto forte é a química entre os atores. Perfeitos dentro dos seus papéis. Destaque para Carmen Maura, como sempre brilhante em tudo que faz. Elenco nota 10.
Cinema argentino, leve, sensível e de excelente qualidade…