Pular para o conteúdo principal

A Sogra

Após anos procurando seu príncipe encantado, Charlotte Cantilini (Jennifer Lopez) se apaixona por Kevin Fields (Michael Vartan). O problema é a mãe dele, Viola (Jane Fonda), que recentemente foi demitida do cargo de âncora de um jornal de rede nacional. Após perder o emprego, Viola teme perder também o filho e para evitar isso decide atrapalhar ao máximo os planos do casal.
O roteiro de “A Sogra” não é nada original. Uma história que já foi filmada e refilmada por Hollywood diversas vezes, mudando apenas os seus protagonistas. Porém é um filme onde você poderá dar boas gargalhadas.

Se a química entre Lopez e Michael é boa, a outra dupla do filme é quem rouba a cena. Jane Fonda dá um show de interpretação equilibrando aspectos vilanescos e cômicos como ninguém, porém é Wanda Sykes, a assessora da sogrona que mesmo com um papel secundário consegue se destacar nas cenas de humor.

Com uma bela fotografia “A Sogra” é um daqueles filmes que com pipoca e guaraná torna-se a combinação perfeita.

Ao alugar o DVD não deixe de ver o extra com uma apresentação musical da Wanda Sykes, um verdadeiro show.

Comentários

Karla Hack disse…
Eu adorei este filme!!
Realmente o que mais funciona e valoriza é a química entre as atrizes!!
Genial!
Jane Fonda Fabulosa!
;D
- disse…
Eu quero ver...vlw pela dica...adoro filmess..to te seguindo aki :)
JannA disse…
hahaha!!!!!
fizeram um filme sobre a minha sogra!!!
rsrssrrsss
sãi iguaizinhas!!!

vou ter q assistir só pra descobrir o q arrumaram pra ficarem livres dela!!!

espero q não tenham terminado!! kkkkkkk
Alessandra disse…
Já vi *-* Jane Fonda perfeita. Os filmes dessa mulher são ótimos, eu gosto muito do Georgia's Rules, acho. Não lembro como é em português. Sei que é com Lindsay Lohan também. Fantástico, A Sogra arranca muito boas risadas. :D
Anny disse…
Esse filme é lindo, eu amei! foi o meu preferido por muito tempo após "Ironias do Amor" ser lançado e ser muito lindo e engraçado tb. =D

Mas A Sogra é perfeito, hilário e divertido. *-*
Sweet Darling disse…
nunca vi esse filme, mas depois disso me interessei *-*
Marcos Lucas disse…
Esse filme é engraçado demais. Morri de rir assistindo.
Pictures & Arts disse…
A-D-O-R-O esse filme!

Jane Fonda tá hilára! E também achei o máximo ver a Jennifer Lopez numa comédia romântica menos chata dos quais ela está acostumada a fazer.

*_*
Rspacer disse…
esse filme é muito bom, vi no cinema!
hehe
a proposito, uma dica, qnd a imagem sair amassada ou esticada exclua e post novamente que ela se normaliza, se nao é so fzr novamente!
abraço
Sandinha disse…
Nossa, essas histórias são comuns, mas SEMPRE me tiram MUITA risada.
Adoro essas histórias e os atores ajuda muito na qualidade do filme.

Um abraaaaaço ♥
Já assisti esse filme! Recomendo, essa sogra é igual a minha KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Análise F.C disse…
sogras e genros brigando sempre dão boas comédias.

http://analisefc.blogspot.com/
Anônimo disse…
esse filme é realmente sem comentários, muito bom mesmo.

Comenta no meu? http://tolicesdomercadolivre.blogspot.com/
Melhor Free disse…
Não to lembrado se vi esse filme...

Postagens mais visitadas deste blog

Jump Fit x Power Jump

Sou professor capacitado do Jump Fit desde 2003. Acompanhei durante esses 07 anos todas as transformações e melhorias que foram necessárias para manter o sucesso da modalidade. Nesse meio tempo, outros programas similares também foram criados provocando uma concorrência nesse segmento no mercado do fitness.
Há poucos dias um colega de profissão me convidou para fazer uma aula de Power Jump da empresa Body Systems. Já tinha ouvido falar do programa, mas nunca havia participado de uma aula. Meu contato com o Jump sempre foi com a Fit-Pró, pioneira no Brasil com esse tipo de modalidade.
Basicamente a estrutura das aulas são similares. A diferença está na forma como é realizado o aquecimento, nas pausas entre coreografias e na duração de algumas músicas. Não tive acesso ao material didático da Body Systems, porém conversei com o professor e as considerações feitas pelo mesmo me permitem fazer as minhas a respeito dos programas.
Nas aulas de Jump Fit existe uma música inteira dedicada ao aque…

Programas de qualidade na TV brasileira

A TV aberta no Brasil passa por um momento onde programa de conteúdo é cada vez mais raridade na programação. Devido ao trabalho acompanho vejo TV com mais frequência à noite e eventualmente nos finais de semana, porém prefiro acompanhar a programação dos canais fechados.
Mas como nem tudo está perdido, dou a dica de cinco programas que na minha modesta opinião vale a pena acompanhar:
1 – Profissão Repórter (Globo – 3ª feira): Uma equipe de jovens jornalistas sob o comando de Caco Barcellos, consegue levar coberturas sólidas em diferentes ângulos de uma mesma notícia. Com maestria o veterano jornalista consegue destacar o processo de profissionalização de jovens recém-formados em cada etapa da matéria, aprendendo na prática a elaborar a reportagem, desde a apuração até a edição final.

2 – A Grande Família (Globo – 5ª feira): Com um texto de primeira linha e um grupo de atores do mais alto gabarito o programa retrata de forma engraçada situações rotineiras de uma família de classe média. …

Valentin

Com pais ausentes e um ambiente familiar conturbado, Valentin é um menino imaginativo, cujo maior sonho é ser uma criança comum, com uma família de verdade. Enquanto tenta consertar as falhas em seu mundo, ele será capaz de trazer alegria, sabedoria e até mesmo romance aos adultos que o cercam.
“Valentin” é um dos filmes mais encantadores que assisti. A história nos emociona do início ao fim. Um drama inocente e cheio de esperança que ficou muito bem narrado por uma criança.
Rodrigo Noya, o protagonista, nos cativa pela sua sensibilidade e inteligência, longe de ser uma daquelas crianças prodígio chatas. O menino é um escândalo de tão bom. Valentin pode ser vesgo e usar óculos fundo de garrafa, mas enxerga perfeitamente o ponto fraco da maioria dos adultos que o cercam.
Outro ponto forte é a química entre os atores. Perfeitos dentro dos seus papéis. Destaque para Carmen Maura, como sempre brilhante em tudo que faz. Elenco nota 10.
Cinema argentino, leve, sensível e de excelente qualidade…